sexta-feira, 14 de julho de 2017

Arroz de pato à minha maneira


Gosto de arroz de pato, mas não é daqueles pratos que adoro.
Mas os miúdos gostam imenso e é mais por eles que o faço.
Tenho a sorte de poder consumir carne e ovos caseiros, o que torna este prato mais saboroso.
A minha avó ofereceu-me um pato e como não é carne que aprecie muito, resolvi fazer este arroz.

Ingredientes:

1 Pato 
2 Cebola picada
1 Cebola inteira
3 Dentes de alho picados
3 dentes de alho inteiros
Azeite
Bacon aos cubos (150g)
Cravinho em grão
2 Folhas de louro
Sal
Pimenta
100 ml de vinho branco
Arroz vaporizado
2 Ovos M
Rodelas de chouriço

- Numa panela de pressão, coloca-se uma das cebolas picadas, os alhos picados, o bacon, a folha de louro e o azeite.

- Deixar a cebola ficar murcha.

- Colocar o pato cortado em pedaços,

- Espetar os cravinhos na cebola.

- Adicionar os restantes alhos, o vinho e acrescentar água até o pato ficar submerso. 

- Temperar com o sal e a pimenta.

- Fechar com a tampa e introduzir o pipo no seu orifício.

- Quando a panela de pressão começar a apitar, contar 20 min.

- O pato está cozinhado. Se por o vosso ainda não estiver, voltem a colocar mais 10 min..

- Deixar arrefecer o pato, para ser mais fácil desfiá-lo.

- Desfiar o pato.

- Fazer um refogado com a cebola e o azeite.

- Adicionar o arroz (utilizei 300g).

- Deixar refogar um pouco e acrescentar 900g de caldo da cozedura do pato. Se não tiverem, acrescentem água. 

- A meio da cozedura do arroz, acrescentar o pato desfiado.

- Verificar se está a vosso gosto a nível de sal.

- Assim que o arroz esteja cozido, desligar o lume. 

- O objectivo de triplicar a quantidade de água, em vez de duplicar, como é hábito, é mesmo que fique com algum caldo.

- Passar a mistura do arroz com o pato, para um pirex.

- Bater os ovos e com um pincel, espalhar por cima do arroz.

- Colocar o chouriço às rodelas.

- Levar ao forno, pré-aquecido a 180º. Apenas, para tostar por cima.